Sindicato dos Trabalhadores Motociclistas da Cidade de São Paulo


Você está aqui: Home / Notícias

Notícias

Motoboys reprovam Faixa Cidadã

Pesquisa mostra que mais de 90% da categoria criticam corredor exclusivo
BRUNO TAVARES, bruno.tavares@grupoestado.com.br

Quase 90% dos motoboys que utilizam diariamente a Faixa Cidadã - corredor preferencial para motocicletas que hoje completa um mês de existência - reprovaram a medida. O resultado, obtido com exclusividade pelo JT, faz parte de uma pesquisa que está sendo elaborada pelo Sindicato dos Trabalhadores Motociclistas de São Paulo (Sindimoto). Apesar da rejeição, a categoria se mostrou amplamente favorável à criação de uma pista exclusiva - não só preferencial - para motos na Avenida 23 de Maio, via expressa que liga a Zona Sul ao Centro.

Dos 302 motoboys entrevistados entre 25 de julho e 15 de agosto, 90% aprovam uma faixa nesses moldes. "Do jeito que está não resolve nada", diz Aldemir Martins, o Alemão, presidente do Sindimoto. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) não descarta a criação de faixas exclusivas para motociclistas nas vias mais movimentadas da Cidade. Mas admite que, em alguns locais, a adoção dos corredores seria inviável.

"Na 23 de Maio, por exemplo, acho quase impossível. Falta espaço físico", comenta o presidente da CET, Roberto Salvador Scaringella. Na opinião dele, os números da pesquisa feita pelo Sindimoto estão dentro do esperado. "A Faixa Cidadã só tem um mês de vida. Não esperava índices melhores." Scaringella voltou a dizer que a medida foi a única alternativa encontrada pela Prefeitura para tentar reduzir o alto número de acidentes de trânsito envolvendo motociclistas.

De acordo com dados da CET, de cada 50 acidentes com vítimas que ocorrem por dia na Capital, 25 deles têm o envolvimento de motos, com pelo menos uma morte. Os técnicos da CET constataram ainda que boa parte desses acidentes é motivada pela circulação de motociclistas entre os carros. "Essa postura torna a viagem mais rápida, mas, ao mesmo tempo, extremamente insegura", diz Scaringella.

Ele não adiantou se a Faixa Cidadã será estendida para outras vias. A previsão era de que também fosse adotada na Avenida Francisco Morato. Por enquanto, os testes estão sendo feitos no corredor formado pelas Avenidas Eusébio Matoso e Rebouças e na Rua da Consolação.



Parceiros























Rua Coronel Diogo, 1496 CEP: 01545-001 - Jardim da Gloria - SP | Telefone: (11) 2914-7372
Copyright © 2005 - 2005 Sindicato dos Trabalhadores Motociclistas da Cidade de São Paulo


Desenvolvido por Internet com Arte